CORITIBA QUER MUDAR ROTINA DE MÁS CAMPANHAS FORA DE CASA NO BRASILEIRO

Jogar fora do estádio Couto Pereira tem sido um fator complicador para as campanhas recentes do Coritiba no Campeonato Brasileiro. Das últimas cinco temporadas, quando lutou apenas para não ser rebaixado à segunda divisão, o melhor rendimento como visitante do time coxa-branca foi em 2015, quando somou 31% dos pontos disputados longe de Curitiba. Por isso, depois da vitória por 4×1 diante do Atlético-GO, na estreia da competição nacional, na última segunda-feira, no Alto da Glória, a meta do time de Pachequinho é deixar de lado esse retrospecto, já que tem dois duelos seguidos para fazer fora de casa contra Santos e Vitória.Um dos jogadores mais experientes do elenco coxa-branca, o goleiro Wilson sabe da importância do Coritiba conseguir grandes resultados fora de casa para conseguir brigar na parte de cima da classificação do Brasileirão. O camisa 84, no entanto, frisou que o time alviverde precisa estar atentos às dificuldades dos duelos fora de Curitiba na competição nacional.

“A gente sabe que o Campeonato Brasileiro é muito competitivo e que para alcançarmos coisas maiores é superimportante buscar pontos fora de casa. Temos consciência da dificuldade dos jogos, mas nós temos uma equipe capaz aproveitar o fator casa e também dar trabalho quando atuarmos como visitantes”, afirmou o goleiro alviverde em entrevista à Tribuna.

O Coritiba vive seu melhor momento na temporada. Vem em uma crescente, sobretudo depois de conquistar o título do Campeonato Paranaense diante do Atlético e da vitória na largada do Brasileirão contra o Atlético-GO. Para manter esse bom momento, o time coxa-branca está ciente que será importante conseguir bons resultados fora de casa e evitar os números ruins que assombram o clube desde 2012, quando o Verdão passou a lutar seguidamente contra o rebaixamento.

Tanto em 2012, quanto em 2013, o aproveitamento do Coritiba como visitante no Campeonato Brasileiro foi de apenas 22%. No ano seguinte, em 2014, o Verdão teve seu pior rendimento recente em duelos fora de casa na competição nacional. Foram apenas duas vitórias, seis empates e onze derrotas, totalizando somente 21% dos pontos jogando fora do Couto Pereira.

No ano passado, o aproveitamento do Coxa como visitante foi de apenas 30%, mas em 2015, quando escapou por pouco do rebaixamento, o Coritiba teve seu melhor rendimento recente fora de casa no Brasileirão, quando somou 31% dos pontos disputados. Neste ano, inclusive, marcou a chegada do goleiro Wilson ao Verdão. O arqueiro alviverde lembra que, depois de um primeiro turno muito ruim, os resultados positivos fora do Couto Pereira, no segundo turno, foram essenciais para o clube garantir a permanência na primeira divisão.

“O que eu vejo é que nosso time está evoluindo e a consequência disso são os resultados fora de casa. Quando cheguei aqui em 2015 ouvia muito isso da dificuldade do Coritiba vencer fora de casa e naquele mesmo campeonato as nossas vitórias como visitante no returno foram fundamentais para que nós pudéssemos sair da parte de baixo da tabela. Espero que esse ano nós possamos melhorar não só como visitantes, mas também como mandantes”, finalizou o goleiro alviverde.

Categoria:Exemplo de categoria

Deixe seu Comentário