Pagina Inicial / Coritiba / Com virada no último minuto, Coritiba perde pra Chapecoense e é rebaixado

Com virada no último minuto, Coritiba perde pra Chapecoense e é rebaixado

Dessa vez não deu. Bastava uma simples vitória neste domingo (3) para o Coritiba permanecer na elite do futebol brasileiro. E até teve chance para isso, quando saiu na frente com um gol de Kléber. Mas diante de muita afobação e erros de passes, o Coxa levou a virada por 2×1 da Chapecoense e, com a vitória do Sport por 1×0 sobre o Corinthians, acabou rebaixado à Série B do Campeonato Brasileiro.

O Alviverde terminou o Brasileirão com 43 pontos, mesma pontuação do Vitória, que escapou da degola pelo saldo de gols (-7 a -8), e depois de sete anos voltará a disputar a segunda divisão nacional.

Diante de tanta emoção e tensão que rondava a Arena Condá – o Coritiba querendo escapar da degola e a Chapecoense em data de homenagens às vítimas do acidente aéreo do ano passado -, o jogo começou travado. Mas com a necessidade de buscar a vitória para não depender de ninguém na luta contra o rebaixamento, o Coritiba foi para cima da Chapecoense, tentando impor velocidade. Por outro lado, acabava permitindo espaços para o contra-ataque, principalmente pelo lado esquerdo, em cima de Thiago Carleto, que parecia desligado em campo.

Só que os donos da casa só conseguiam levar perigo na base da bola parada de Reinaldo. Primeiro, o lateral bateu falta cruzada na área direta para o gol e obrigou Wilson a fazer boa defesa. Depois, levantou a bola na área, mas ninguém aproveitou.

Já o Coxa seguia tocando a bola e ganhando quase todas as divididas, e permanecendo no campo de ataque. E na primeira finalização certa, veio o gol. Aos 14, Kléber recebeu de Tiago Real na entrada da área, ajeitou e chutou de esquerda, acertando o ângulo de Jandrei.

O Alviverde terminou o Brasileirão com 43 pontos, mesma pontuação do Vitória, que escapou da degola pelo saldo de gols (-7 a -8), e depois de sete anos voltará a disputar a segunda divisão nacional

Diante de tanta emoção e tensão que rondava a Arena Condá – o Coritiba querendo escapar da degola e a Chapecoense em data de homenagens às vítimas do acidente aéreo do ano passado -, o jogo começou travado. Mas com a necessidade de buscar a vitória para não depender de ninguém na luta contra o rebaixamento, o Coritiba foi para cima da Chapecoense, tentando impor velocidade. Por outro lado, acabava permitindo espaços para o contra-ataque, principalmente pelo lado esquerdo, em cima de Thiago Carleto, que parecia desligado em campo.

Só que os donos da casa só conseguiam levar perigo na base da bola parada de Reinaldo. Primeiro, o lateral bateu falta cruzada na área direta para o gol e obrigou Wilson a fazer boa defesa. Depois, levantou a bola na área, mas ninguém aproveitou.

Já o Coxa seguia tocando a bola e ganhando quase todas as divididas, e permanecendo no campo de ataque. E na primeira finalização certa, veio o gol. Aos 14, Kléber recebeu de Tiago Real na entrada da área, ajeitou e chutou de esquerda, acertando o ângulo de Jandrei.

Sobre admin

Check Also

Coritiba embolsa mais de R$ 7 milhões com venda de Dodô

Revelado nas categorias de base do Coritiba, o lateral-direito Dodô é o novo reforço do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *