Pagina Inicial / Paraná Clube / Após dez anos, Paraná Clube volta à elite pensando em se manter nela

Após dez anos, Paraná Clube volta à elite pensando em se manter nela

Depois de dez anos, o Paraná Clube, enfim, está de volta à elite do Campeonato Brasileiro. E a espera pelo retorno é uma mistura de expectativa e apreensão. O time que conquistou o acesso na Série B foi todo desmanchado. Apenas o goleiro Richard, o lateral-esquerdo Igor e o volante Leandro Vilela dos titulares permaneceram. Além disso, o desempenho até aqui na temporada não foi dos melhores.

Ao longo do Estadual, o comando técnico foi trocado, saindo Wagner Lopes para a chegada de Rogério Micale. Nos resultados, a mudança já surtiu efeito. Agora, o time que está sendo alterado. No início do ano 20 jogadores foram contratados, alguns até já foram embora, como os zagueiros Márcio e Rafael Nascimento, o meia João Paulo e o atacante Zé Carlos. Ao mesmo tempo, outros seis chegaram.No Campeonato Paranaense, o máximo que o Tricolor conseguiu foi alcançar as semifinais do segundo turno, terminando a competição na quarta colocação geral. Na Copa do Brasil foi eliminado na segunda fase pelo Sampaio Corrêa. Até por isso, o elenco passa por uma reformulação.

 Os zagueiros Cléber Reis e Jesiel, o meia Caio Henrique e os atacantes Raphael Alemão, Silvinho e Léo Itaperuna estão à disposição do treinado já para a estreia contra o São Paulo. Sem contar o atacante Luan Viana, que já estava no clube, mas não foi inscrito para o Paranaense.

Exceção a Raphael Alemão, destaque do Foz do Iguaçu e do próprio Luan Viana, os demais já tem uma certa rodagem e experiência no Brasileirão, assim como o meia Carlos Eduardo, que chegou no decorrer do Paranaense, o lateral-direito Alemão, o zagueiro Neris, o lateral-esquerdo Mansur, o meia Guilherme Biteco e o atacante Lucas Fernandes. Um número que pode aumentar com a chegada do atacante Carlos, que vem por empréstimo do Atlético-MG, mas ainda não foi confirmado pela diretoria.

Opções para que o Paraná Clube alcance seu objetivo na temporada, que é permanecer na primeira divisão, mas sem fugir do orçamento, que, apesar de estar melhorando, ainda é pequeno.

Time-base: Richard; Alemão, Cléber Reis, Jesiel e Mansur; Wesley Dias, Caio Henrique e Carlos Eduardo; Raphael Alemão (Silvinho), Léo Itaperuna e Luan Viana (Carlos).

Sobre admin

Check Also

Paraná Clube tem novos titulares e algumas dúvidas

Chegou a hora do retorno. O Paraná Clube não conta mais os dias, e sim …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *