Pagina Inicial / Atlético Paranaense / Atlético pode ser punido por ato político na Arena da Baixada

Atlético pode ser punido por ato político na Arena da Baixada

Atlético pode sofrer punição por ter feito a maioria dos seus jogadores entrarem em campo com uma mensagem política para o duelo contra o América-MG, na tarde deste sábado (6), na Arena da Baixada. A goleada do Furacão por 4×0, após o duelo, ficou em segundo plano, já que o árbitro paulista, Raphael Claus e que pertence ao quadro da Fifa, relatou o ocorrido na súmula do jogo. O Furacão, então, pode ser investigado por ato político e ser multado ou até ser banido do Campeonato Brasileiro.
O árbitro Raphael Claus relatou que “a equipe do Atlético Paranaense, adentrou ao campo de jogo para o hino nacional, com uma camisa de cor amarela por cima da camisa de jogo com os seguintes dizeres ‘# vamos todos juntos por amor ao Brasil’”. Dos 11 atletas, somente o zagueiro Paulo André, que recentemente havia assinado um manifesto contrário ao candidato Jair Bolsonaro (PSL), não entrou com a camiseta. Horas antes, em seu perfil do Facebook, o presidente do conselho deliberativo do Furacão, Mário Celso Petraglia, havia postado essa frase e publicado apoio a Bolsonaro.
Como o Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) não prevê punições a essa natureza, somente o Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pode abrir investigação no artigo que trata de “casos especiais”. A Fifa, por sua vez, proíbe seus filiados (federações e clubes), de fazer manifestações políticas durante os jogos. Isto porque a entidade prega neutralidade política.
O ato político do Atlético, antes do jogo, foi evidente e, por isso, a Fifa pode investigar o caso. A possível punição para este tipo de caso é multa e até a eliminação da competição. Por ser réu primário, o Furacão deve receber apenas multa caso seja condenado. Na Copa do Mundo deste ano, por exemplo, dois jogadores da Suíça foram multados por atos políticos na vitória de 2 a 1 sobre a Sérvia.
Esta pode ser a segunda vez que o Atlético pode sofrer punição por atos “diferentes” em uma partida do Campeonato Brasileiro. Neste ano, o goleiro Santos, durante o jogo, mexeu no celular e a ação fazia parte de uma campanha de conscientização no trânsito. O Furacão foi multado e o camisa 1 pegou uma partida de suspensão.

Sobre admin

Check Also

Surpresa na escalação, Bergson vira o nome do Atlético em goleada

Em mais uma goleada aplicada dentro da Arena da Baixada, o Atlético bateu o Sport …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *