Pagina Inicial / Paraná Clube / Paraná Clube desperdiça chance de vencer o Vitória

Paraná Clube desperdiça chance de vencer o Vitória

Escapou por pouco o fim do jejum de vitórias do Paraná Clube no Campeonato Brasileiro. Com mais uma atuação ruim, o Tricolor cedeu o empate em 1×1 para o Vitória no final do jogo, chegou aos 18 pontos, mas ainda não foi rebaixado matematicamente à segunda divisão. O time paranista, ainda afundado na lanterna e aguardando a queda à segundona, terá um compromisso complicado pela frente agora diante do América-MG, no próximo sábado (10), às 21h, na Arena Independência, em Belo Horizonte.Se enganou quem pensou que o Paraná, apesar da grande possibilidade de rebaixamento já nesta rodada, não tomaria a iniciativa da partida. O Tricolor foi para cima do Vitória e quase marcou no primeiro minuto. Depois da boa jogada pela esquerda, Juninho cruzou e Alex Santana, dentro da área, encheu o pé, mas acertou o travessão do goleiro Ronaldo.

O Vitória, depois do susto inicial, equilibrou o jogo e quase conseguiu marcar na sequência. Erick, sempre perigoso nas arrancadas pela esquerda, fez boa jogada e cruzou para Rodrigo Andrade, que chutou livre na área, mas acertou a defesa paranista. Aos 9 minutos, depois da cobrança de escanteio e do rebote do goleiro Richard, o ex-paranista Lucas Fernandes pegou de primeira, mas errou o alvo.

Apesar de ter mais posse de bola, o Vitória provou porque está na vice-lanterna do Brasileirão. Com muitos erros técnicos, o time baiano tinha muitas dificuldades. O Paraná, por sua vez, sem se arriscar muito, até conseguia fazer um jogo equilibrado, mas sem nenhuma inspiração ofensiva para passar pela defesa do rubro-negro baiano.

O jogo, na verdade, era ruim. Bastante truncado no meio de campo e com muitas faltas dos dois times. Os goleiros, então, pouco trabalharam durante o primeiro tempo. O Paraná, então, tentou pressionar na reta final do primeiro tempo e quase marcou com Alex Santana. Juninho e Jhonny Lucas fizeram boa jogada e o camisa 8, livre, chutou forte e Aderllan salvou o time baiano de tomar o primeiro gol ainda no primeiro tempo.

O Vitória voltou com uma postura mais ofensiva para o segundo tempo. Aos 7 minutos, Erick aproveitou a falha da defesa do Paraná, recebeu livre na área, passou por Jesiel, mas acertou a rede por fora. Na sequência, o técnico Paulo César Carpegiani abriu o time. Tirou o volante Rodrigo Andrade para a entrada do atacante Neílton.

Assim, o time baiano, jogando ainda mais para frente, deixou o jogo aberto. O Paraná, ainda equilibrado nas suas ações, passou a ter mais espaços e conseguiu abrir o placar aos 14 minutos. Andrey tabelou com Rafael Grampola e serviu Alex Santana que, dentro da área, bateu sem chances para Ronaldo. Prêmio para o jogador mais regular do Tricolor no Brasileirão e o melhor em campo na tarde deste domingo na Vila Capanema.

Empate

O Vitória, que já buscava mais o ataque, foi para cima do Paraná. No entanto, o time baiano não conseguia passar pela boa postura defensiva imposta pelo time paranista. Aos 21, o time baiano chegou perto de conseguir o empate. Depois da cobrança de falta e do bate-rebate na área, Léo Gomes chutou forte e Renê Santos salvou o Tricolor.

A reta final do jogo foi de ataque contra defesa. Mesmo com dificuldades técnicas, o Vitória conseguia pressionar o Paraná. Assim, a igualdade veio aos 38 minutos do segundo tempo. Depois da cobrança de escanteio, Léo Ceará subiu mais que todo mundo, cabeceou no canto e conseguiu o empate na Vila Capanema.

BRASILEIRÃO
2° Turno – 32ª Rodada

Paraná 1×1 Vitória

Paraná
Richard; Wesley Dias, Renê Santos (Mansur), Jesiel e Igor; Leandro Vilela, Jhonny Lucas (Alesson) e Alex Santana; Juninho (Silvinho), Andrey e Rafael Grampola.
Técnico: Dado Cavalcanti

Vitória
Ronaldo; Ramon, Ruan Renato (Yago), Aderllan e Marcelo Benitez; Arouca, Léo Gomes e Rodrigo Andrade (Neilton); Erick (Mauricio), Lucas Fernandes e Léo Ceará.
Técnico: Paulo César Carpegiani

Local: Vila Capanema
Árbitro: Raphael Claus (Fifa-SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e Rogerio Pablos Zanardo (SP)
Gols: Alex Santana, 14, Léo Ceará, 38 do 2º
Cartões amarelos: Aderllan, Arouca, Ruan Renato, Marcelo Benítez (VIT); Leandro Vilela, Alesson, Igor (PAR)
Público pagante: 931
Público total: 1.328
Renda:  R$ 15.030,00

Sobre admin

Check Also

Paraná vence o América-MG e decreta fim do jejum de vitórias

Com o rebaixamento para a Série B já decretado, o Paraná Clube, enfim, comemorou. O Tricolor …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *