Pagina Inicial / Atlético Paranaense / Sem vencer fora, Atlético pega um Vasco desesperado e desfalcado

Sem vencer fora, Atlético pega um Vasco desesperado e desfalcado

Uma vitória em cima do Vasco nesta quarta-feira (14), às 19h30, em São Januário, seria o cenário ideal para que o Atlético continue na briga pelo G6 do Campeonato Brasileiro. Em sétimo na classificação, com 46 pontos somados, o Rubro-Negro vai precisar superar o tabu de ainda não ter vencido fora de casa na competição para manter viva a esperança de garantir uma vaga para a Libertadores do ano que vem. No momento, o Atlético-MG é o último time a assegurar a vaga, com 47. Porém Santos e Cruzeiro, com a mesma soma que o Furacão na tabela, seguem na disputa.

Apesar de ter tido uma recuperação incrível no rendimento no período após a Copa do Mundo – o time era o penúltimo colocado com nove pontos – e agora estar ocupando a metade de cima da tabela, o Atlético ainda não sabe o que é vencer longe da Arena da Baixada. É a única equipe que ainda não alcançou os três pontos na casa do adversário. Foram 16 partidas longe de seus domínios, sendo seis empates e dez derrotas.

“São sempre jogos difíceis. Eles precisam do resultado e temos que colocar em prática o nosso trabalho. Fora de casa, ainda não vencemos, mas temos feito bons jogos, com um bom futebol. Creio que com essa determinação, as vitórias virão”, apontou o meia Nikão.Para tentar quebrar essa marca, o Furacão terá que bater uma equipe que briga contra o rebaixamento. O Vasco ocupa a 15ª posição, com 38 pontos, apenas um a mais que a Chapecoense, que abre a zona da degola. Até por isso, a tendência é que São Januário esteja lotado, prometendo pressão para o time atleticano.

“É um jogo muito complicado. A gente sabe da grandeza do Vasco, ainda mais jogando na sua casa. Temos que ter um bom controle emocional e manter o nosso ritmo para tentar buscar o resultado positivo”, explicou o técnico Tiago Nunes, que sabe que garantir os três pontos é decisivo.

“É muito importante buscar uma vitória fora de casa neste meio de semana para tentar alcançar esse objetivo”, disse ele, referindo-se à vaga para a Libertadores.Para a partida de logo mais, o treinador conta com as presenças do lateral-direito Jonathan e do volante Lucho González. Ambos eram dúvida se estariam à disposição, mas treinaram normalmente e viajaram com a delegação. Apesar de, provavelmente, ambos retomarem suas vagas entre os titulares, Tiago Nunes tem outras opções, caso seja necessário. Na hipótese de Jonathan voltar a sentir a coxa, o técnico deve escalar Diego Ferreira. No meio-campo, a escalação gera mais dúvidas, já que Bruno Guimarães e Wellington devem brigar pela outra vaga.

FICHA TÉCNICA

BRASILEIRÃO
2° Turno – 34ª Rodada

Vasco x Atlético

Vasco
Fernando Miguel; Luiz Gustavo, Leandro Castán, Henriquez e Ramon; Willian Maranhão, Andrey, Thiago Galhardo, Raul (Fabrício) e Marrony; Andrés Rios.
Técnico: Alberto Valentim

Atlético
Santos; Jonathan, Thiago Heleno, Léo Pereira e Renan Lodi; Wellington (Bruno Guimarães), Lucho González e Raphael Veiga; Nikão, Marcelo Cirino e Pablo.
Técnico: Tiago Nunes

Local: São Januário (Rio de Janeiro-RJ)
Horário: 19h30
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Jorge Eduardo Bernardi (RS)

Sobre admin

Check Also

Atlético bate o Junior Barranquilla e é campeão da Sul-Americana

O Atlético é campeão da Copa Sul-Americana. Por mais simples que seja a frase, nada …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *