Pagina Inicial / Atlético Paranaense / Tiago Nunes admite que Atlético foi dominado, mas vê empate na Colômbia como positivo

Tiago Nunes admite que Atlético foi dominado, mas vê empate na Colômbia como positivo

Barranquilla (Colômbia) – Não foi a melhor apresentação do Atlético nesta Copa Sul-Americana. Bem longe disso, mas a equipe rubro-negra segurou o empate em 1×1 diante do Junior Barranquilla, na noite de quarta-feira (5), no estádio Roberto Meléndez, no primeiro jogo da decisão e está a uma vitória do título do torneio internacional. O técnico Tiago Nunes valorizou o resultado conquistado fora de casa e espera que o Furacão, agora, mantenha o bom momento que vive nas partidas realizadas na Arena da Baixada para levantar a taça.lque o Junior aqui dentro é muito forte. É um resultado importante, sim, mas não quer dizer que esse resultado qualifique para vencermos em casa. Temos que merecer muito lá. O Junior tem jogadores importantes retornando. É ter tranquilidade, contar com o apoio do nosso torcedor. Sabemos do nosso histórico em casa, somos muito fortes quando jogamos em casa. Avaliamos o resultado como positivo, vamos corrigir os erros e focar no jogo da volta”, avaliou o treinador.

O comandante atleticano destacou o domínio da equipe colombiana durante quase toda a partida, mas sem criar grandes oportunidades durante os 90 minutos. O Junior Barranquilla, na verdade, além do gol, teve uma penalidade desperdiçada e pelo menos mais duas grandes chances de marcar. Mesmo diante da atuação mais defensiva do Atlético, Nunes frisou que o time foi à Colômbia para vencer a partida.+

“Nossa proposta era de tentar vencer o Junior. Apesar das dificuldades, temos jogadores com potencial técnico e viemos para tentar vencer. Vencemos muitas vezes fora durante o torneio. O Junior acabou dominando o jogo, teve uma posse maior, nos fechamos, jogamos mais pelo contra-ataque. Fizemos o gol, mas não sustentamos. Sofremos o gol de uma bola parada. É natural que a torcida inflame o time. O time cresce. O Junior teve muito domínio, mas teve três chances. Não conseguiu converter o volume em chances claras. Foi um jogo muito disputado e que nos dá confiança para jogar em casa agora, diante do torcer e buscar o resultado”, emendou ele.

O treinador também afirmou que, por conta da forma que o Junior Barranquilla atuou no primeiro jogo da decisão, o Rubro-Negro precisou mudar seu estilo de jogo. Ele também destacou a entrega do grupo, especialmente no aspecto físico, já que o calor era muito forte na hora da partida.+

“A qualidade do adversário acabou trazendo muitas dificuldades. A gente não conseguiu propor o jogo como queria. Tivemos maturidade para jogar em outro modelo. A equipe teve uma doação física incrível no jogo. Um comprometimento tático enorme. O resultado pode ter sido muito importante e, com o apoio do torcedor, esperamos fazer uma grande atuação em casa, vencê-los e nos sagrarmos campeões”, concluiu o técnico atleticano.

Sobre admin

Check Also

Atlético bate o Junior Barranquilla e é campeão da Sul-Americana

O Atlético é campeão da Copa Sul-Americana. Por mais simples que seja a frase, nada …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *