Pagina Inicial / Coritiba / Coritiba decide vaga no Paranaense dependendo apenas de si

Coritiba decide vaga no Paranaense dependendo apenas de si

O Coritiba vai a Ponta Grossa para o último confronto da primeira fase do Campeonato Paranaense contra o Operário, no domingo, às 17h, dependendo apenas de si e já sente a pressão de como será seu 2019. No grupo B, o Coxa tem nove pontos somados até aqui e está atrás apenas do já classificado FC Cascavel, que tem 11. Para avançar à semifinal da Taça Barcímio Sicupira Júnior o Coxa terá que superar um adversário que também depende da vitória para seguir na competição, o que deve tornar o jogo muito disputado. A pressão em torno do Verdão pela classificação é grande, já que a equipe quer brigar pelo título Estadual pra ganhar moral pro resto da temporada.

Com duas vitórias e três empates na competição, o técnico Argel Fucks acredita que o time esteja em uma crescente e que muitos ajustes devem ser feitos para que se encontre o grupo ideal. “Nessas cinco partidas sempre propomos o jogo, mas claro que precisamos de ajuste, azeitar a máquina. Então tem que ter calma, tranquilidade. Não é porque a gente ganhou o clássico que está tudo certo”, explicou o comandante.

Para o compromisso diante do Fantasma, o Coxa deve ter mais novidades entre os titulares. “Precisamos estrear esse jogadores como Juan Alan e Rodrigão no jogo de domingo, o que vai dar outro calibre ao time. Tem o Patrick Brey também”, enfatizou.

A preocupação do Coritiba em vencer o Paranaense é devida à obrigação para que o time ‘embale’ nesta temporada. Com um 2018 fraquíssimo, em que a equipe perdeu o Estadual para o Athletico, foi eliminado na terceira fase da Copa do Brasil e não representou perigo para os adversários da Série B, a diretoria apostou tudo que podia para que este ano seja diferente. Convencer na primeira competição que tem pela frente pode representar um bom rumo a ser seguido pelo Coxa rumo ao tão desejado retorno à Série A.

No caminho do Alviverde, neste primeiro momento decisivo de muitos que virão em 2019, está o time dos Campos Gerais.
O Fantasma é o vice-líder do grupo B com oito pontos e também depende de si para avançar, o que pode ser um fator positivo para o Coxa. “O Operário é um time que também vai precisar sair pro jogo, vai ter que propor. Aí a gente terá mais espaço para jogar”, detalhou.

Caso haja empate, o Verdão terá que torcer para que o Cianorte tropece. caso perca para o fantasma, dependerá de resultados negativos de Cianorte, Cascavel CR e Paraná Clube. Porém, mesmo diante das probabilidades, o comandante quer contar apenas com o próprio placar favorável. “É um jogo que pode definir classificação, se é primeiro, se é segundo. Estamos na briga, no páreo. Mas o melhor resultado é sempre o nosso”, arrematou Argel.

Sobre admin

Check Also

Coritiba tem semana cheia pra botar ordem na casa

A vitória do Coritiba , os pênaltis em cima do Cascavel garantiu um breve ‘respiro‘ …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *