Pagina Inicial / Coritiba / Coritiba vê disputa pela vaga de centroavante ficar acirrada

Coritiba vê disputa pela vaga de centroavante ficar acirrada

Uma das principais reclamações do técnico Argel Fucks no início da temporada, o setor de ataque do Coritiba  começa a ter opções para o treinador. Três jogadores disputarão uma vaga de centroavante no time daqui pra frente. Igor Jesus, Rodrigão e Wanderley são os atletas dentro do elenco que procuram conquistar a posição de camisa 9 do Verdão. O primeiro é o atual titular, enquanto o segundo foi confirmado como reforço e treina no grupo e o terceiro ficará à disposição em breve. No começo da temporada, Argel teve que improvisar Kady na função, flutuando entre as linhas de defesa dos adversários e jogando como o “falso 9”. Na ocasião, mesmo aprovando suas atuações, o comandante do Coxa ressaltou a importância de alguém de ofício para a posição, que é de extrema importância para seu esquema tático do 4-4-2. Nathan também atuou por ali.

Após a disputa da Copa São Paulo de Futebol Júnior, Jesus assumiu a vaga e agradou ao treinador por fazer bem o pivô e segurar os zagueiros, além de qualidade técnica com a bola. Entretanto, o jovem atleta deve perder espaço e virar opção no banco de reservas.

Pedido pessoal do técnico, após uma longa novela, Rodrigão veio do Santos com todo salário, de aproximadamente R$ 80 mil, pago pelo Coritiba e é a principal aposta de gols do clube. Ele já treina com o grupo e deve ficar disponível para o jogo do final de semana contra o Operário, domingo (10), às 17h, pelo Campeonato Paranaense.

Wanderley ainda não estreou pelo Coxa, pois está aprimorando a forma física, mas terá apenas o Estadual pra mostrar serviço. Foto: André Rodrigues

Wanderley ainda não estreou pelo Coxa, pois está aprimorando a forma física, mas terá apenas o Estadual pra mostrar serviço. Foto: André Rodrigues

Por fim, Wanderley também já faz parte das atividades diárias no CT da Graciosa, mas aprimora a parte física. O experiente jogador de 30 anos precisa mostrar serviço por ter contrato somente até o final do Estadual.

Mesmo com sete gols em cinco jogos pela Taça Barcímio Sicupira Júnior, Argel ainda acredita que o sistema ofensivo do Coritiba precisa evoluir. Ele citou que a disponibilidade de Rodrigão e Wanderley, além do meia-atacante Juan Alano, incorporam melhor o grupo para sair mais jogadas e, consequentemente, gols nos confrontos.

“Nossa evolução agora é a parte final. Estamos criando, estamos tendo volume, temos o controle do jogo, a posse de bola é sempre nossa. Aí a gente precisa criar oportunidades e matar o jogo. Vamos evoluir neste último terço do campo, na fase final, de fazer o gol”, avaliou.

Vice-líder do Grupo B, com nove pontos, o Coxa precisa de uma vitória diante do Fantasma, em Ponta Grossa, para assegurar uma vaga na semifinal. Se empatar, terá que torcer para o Cianorte não ganhar. Em caso de derrota, o Alviverde precisa de tropeços de Cianorte, Cascavel CR e Paraná Clube.

Sobre admin

Check Also

Coritiba tem semana cheia pra botar ordem na casa

A vitória do Coritiba , os pênaltis em cima do Cascavel garantiu um breve ‘respiro‘ …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *