Pagina Inicial / Atlético Paranaense / Athletico perde pro Toledo no primeiro jogo da final do Paranaense

Athletico perde pro Toledo no primeiro jogo da final do Paranaense

O Athletico saiu em desvantagem no primeiro jogo da final do Campeonato Paranaense. Mesmo dominando boa parte da partida, o Furacão tomou o gol aos 47 minutos do segundo tempo, perdeu por 1×0 para o Toledo, na tarde deste domingo (14), no Estádio 14 de Dezembro, no Oeste do Estado e terá que vencer por dois gols de diferença domingo que vem, na Arena, para ser campeão estadual. Se vencer por um gol, o time rubro-negro força a decisão para as penalidades.

O primeiro tempo da decisão foi fraco e de poucas chances para os dois times. Apesar de jogar em casa e de saber da importância de largar na finalíssima com vantagem, o Toledo preferiu se retrair para tentar explorar os contra-ataques. Mas o Porco tinha pela frente o Athletico bem postado na defesa e que praticamente não dava espaços para os donos da casa. Tanto que a melhor e única chance veio somente em um chute cruzado de Júlio Pacto, no começo da partida, que saiu sem direção.

O Furacão, por sua vez, mesmo chegando à decisão credenciado como favorito e com uma grande campanha no segundo turno, teve muitas dificuldades no setor ofensivo. Faltava capricho ao Athletico no último terço do campo. Tanto que a primeira chance do time atleticano veio só aos 20 minutos. Erick arriscou de fora e André Luiz fez boa defesa.

O jogo seguiu com poucas alternativas. Nem Toledo, nem Athletico conseguiam criar boas jogadas ofensivas para tirar o zero do placar. O Furacão até tinha mais posse de bola, mas não tinha a efetividade necessária para furar a defesa do Porco. Somente nos acréscimos é que o Rubro-Negro criou sua melhor oportunidade. O zagueiro Robson Bambu lançou, Bergson apareceu livre, mas errou o alvo.

Depois do primeiro apático, o Athletico voltou melhor do intervalo. Procurando mais o gol, o Furacão acuou ainda mais o Toledo no seu campo. Mesmo assim, faltava inspiração ofensiva para o Furacão conseguir abrir o placar. A primeira chance veio aos 16 minutos. Vitinho fez a jogada pela esquerda, cruzou, mas Bergson não chegou a tempo de marcar.

Para tentar abrir a defesa do Toledo, o técnico Rafael Guanaes apostou nas entradas de Gabriel Poveda e Demethryus. A alteração deu resultado. O Athletico passou a chegar mais ao ataque e a ser mais efetivo nas suas investidas ofensivas. Aos 22 minutos, o Toledo errou na saída de bola, Erick tabelou com Bergson e, na cara do gol, bateu em cima do goleiro André Luiz.

O Athletico seguiu melhor. Na sequência, após cobrança de escanteio, Bergson subiu livre, mas cabeceou por cima. O Furacão seguiu jogando todo no campo ofensivo. O Toledo, mesmo jogando em casa, seguiu apenas se defendendo. A forte chuva que caiu na reta final da partida atrapalhou ainda mais as ações ofensivas dos dois times.

Mesmo assim, o Athletico seguiu jogando todo no campo ofensivo. O gol da vitória parecia ser questão de tempo. Aos 36, depois da boa jogada pela esquerda, Gabriel Poveda recebeu livre, tentou de voleio e mandou para fora. Apesar da pressão do Furacão até o final, prevaleceu a boa postura defensiva do Toledo, que ainda conseguiu marcar o seu gol surpreendente no último minuto de jogo, com o zagueiro Fandinho aproveitando o levantamento na área.

CAMPEONATO PARANAENSE
Final – Ida

Toledo 1×0 Athletico

Toledo
André Luiz; Everton, Eduardo Luiz, Fandinho e Matheus; Jonathan, Revson, Khevin (Léo Teles) e Júlio Pacato; Eduardinho (Marcelinho) e Wainy (Guilherme Rend).
Técnico: Agenor Piccnin

Athletico
Léo; Lucas Halter, Robson Bambu e José Ivaldo; Khellven, Erick, Christian (Demethryus) e Vitinho; Marquinho (Matheus Anjos), Jáderson (Gabriel Poveda) e Bergson.
Técnico: Rafael Guanaes

Local: Estádio 14 de Dezembro (Toledo)
Árbitro: Leonardo Sígari Zanon
Assistentes: João Fabio Machado Brischiliari e Felipe Gustavo Schmidt
Gol: Fandinho (TOL) aos 48 do 2º T;
Cartões amarelos: Everton (TOL); José Ivaldo, Erick, Marquinho (CAP)

Sobre admin

Check Also

Tiago Nunes elogia os Abners do Athletico, mas pede paciência com os garotos

Setor carente após a saída de Renan Lodi para o Atlético de Madrid, da Espanha, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *