Pagina Inicial / Coritiba / Coritiba vive a sua melhor fase na temporada de 2019

Coritiba vive a sua melhor fase na temporada de 2019

Com 11 pontos conquistados dos últimos 15 disputados, o Coritiba subiu na classificação da Série B do Campeonato Brasileiro, entrou de vez na luta pelo acesso e está vivendo seu melhor momento na temporada. Mais do que colher resultados favoráveis, o Coxa melhorou seu rendimento. Conseguiu atingir um bom nível de atuação e deu, finalmente, esperanças ao torcedor que pode conseguir retornar à elite do futebol nacional no ano que vem.

E a boa fase do Coritiba começou justamente depois de um dos piores jogos de 2019. O Verdão perdeu para o Criciúma por 2×1, em Santa Catarina, na sua pior atuação na Série B do Campeonato Brasileiro. Não pela derrota em si, que foi sofrida no último lance da partida, mas pela apresentação ruim, cheia de falhas e sem criação alguma diante do Tigre que está na zona de rebaixamento do torneio.

O jogo marcou o retorno do Coritiba a campo depois de quase um mês de treinamento durante a parada para a Copa América. Em campo, praticamente nada mudou. Por isso, o técnico Umberto Louzer balançou no cargo. Mas mesmo com a atuação ruim, que dava pouca perspectiva de melhora para a sequência da temporada, a diretoria manteve o treinador.

Umberto Louzer sempre lembra que a atuação ruim diante do Criciúma causou uma insatisfação e uma indignação interna dos jogadores. A vontade de dar a volta por cima tomou conta do time. Na sequência, diante do fraco São Bento, no Couto Pereira, somente a vitória manteria o treinador no cargo. Não foi fácil, o Verdão saiu perdendo, mas conseguiu a virada no final e com o gol de Rafinha, que mesmo machucado, deu a vitória para o Alviverde.

O resultado deu mais tranquilidade para o Coritiba. Parecia ser o placar que o time alviverde precisava para escrever uma nova história na Série B do Campeonato Brasileiro. Veio, então, mais uma partida dentro do Couto Pereira e mais uma vitória. Desta vez, diante do Vila Nova. O resultado de 2×0 e a atuação, um pouco mais convincente, deram mais confiança para o Verdão, que já conseguia chegar na sexta colocação na classificação da competição nacional.

Com as duas vitórias nos dois jogos, o Coritiba tinha uma sequência complicada pela frente. O primeiro desafio foi diante do Operário, em Ponta Grossa. O jogo foi sofrível tecnicamente. O time voltou a oscilar, mas o empate em 1×1 foi justo pelo que as duas equipes fizeram durante os 90 minutos. Serviu também para o time de Umberto Louzer se manter na parte de cima da tabela e, consequentemente, a invencibilidade na segunda divisão.

Pela frente, dois confrontos diretos pelo G4. De volta ao Couto Pereira, o Coritiba fez seu melhor jogo na Série B, venceu o Botafogo-SP por 3×2, e voltou a ocupar o pelotão de frente da competição nacional. O duelo contra o time paulista selou as pazes entre time e torcida. O clima no Alto da Glória e o apoio incondicional das arquibancadas embalaram o Verdão para seguir na briga para retornar à primeira divisão.

Na última rodada, diante do Sport, quando fez seu quarto jogo em dez dias, o Coritiba conseguiu outra boa atuação. Mesmo sem contar com jogadores importantes como Rafinha, Rodrigão e Giovanni, o Coxa empatou em 1×1 e só não venceu pela falta de capacidade ofensiva de concluir melhor as jogadas nas boas chances criadas diante do time pernambucano.

Na quinta posição, o Coritiba tem agora dois jogos em casa, contra Figueirense e Brasil de Pelotas, para tentar voltar ao G4. Mais do que isso, o Coxa, com duas vitórias nesses dois compromissos, além de se consolidar nas quatro primeiras colocações, pode também começar a brigar pela liderança e, sobretudo, confirmar seu bom momento, aumentando de vez as esperanças do torcedor de que o clube, em 2020, possa estar novamente na elite do futebol brasileiro.

Sobre admin

Check Also

Coritiba “soube sofrer” na vitória sobre o Botafogo-SP, dizem jogadores

A vitória do Coritiba por 1×0 em cima do Botafogo-SP foi construída com sabedoria, maturidade e superação, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *