radio trio de ferro 2

Categorias
Destaques

Jadson fica mais próximo de acerto com o Coritiba; confira os detalhes da negociação

O meia Jadson, 36 anos, está próximo de um acerto para defender o Coritiba em 2020. Em negociação com a diretoria alviverde, o jogador aguarda uma definição com o Corinthians para poder ser anunciado. O Coxa e o atleta já se acertaram no final de semana. O desfecho depende, basicamente, do time paulista.

O empresário dele, Marcelo Robalinho, o mesmo que ajudou na venda do lateral Yan Couto ao Barcelona, da Espanha, está fora do Brasil e retorna nesta segunda-feira (27). A diretoria alviverde espera que Jadson consiga a rescisão com o Timão, e ele tentará isso nos mesmos moldes que o volante Ralf conseguiu na semana passada, pela história que fez no Parque São Jorge. Nesse caso, o time alvinegro topou pagar a totalidade do contrato de forma parcelada: 24 meses.

O vínculo do camisa 10 é até o final deste ano. Caso não haja a rescisão, a tentativa é de que o Corinthians pague a maior parte dos vencimentos, próximo de R$ 325 mil mensais, para encaixar dentro do orçamento do Coritiba.

Categorias
Futebol Paranaense

Jadson fica mais próximo de acerto com o Coritiba; confira os detalhes da negociação

O meia Jadson, 36 anos, está próximo de um acerto para defender o Coritiba em 2020. Em negociação com a diretoria alviverde, o jogador aguarda uma definição com o Corinthians para poder ser anunciado. O Coxa e o atleta já se acertaram no final de semana. O desfecho depende, basicamente, do time paulista.

O empresário dele, Marcelo Robalinho, o mesmo que ajudou na venda do lateral Yan Couto ao Barcelona, da Espanha, está fora do Brasil e retorna nesta segunda-feira (27). A diretoria alviverde espera que Jadson consiga a rescisão com o Timão, e ele tentará isso nos mesmos moldes que o volante Ralf conseguiu na semana passada, pela história que fez no Parque São Jorge. Nesse caso, o time alvinegro topou pagar a totalidade do contrato de forma parcelada: 24 meses.

O vínculo do camisa 10 é até o final deste ano. Caso não haja a rescisão, a tentativa é de que o Corinthians pague a maior parte dos vencimentos, próximo de R$ 325 mil mensais, para encaixar dentro do orçamento do Coritiba.

Categorias
Futebol Paranaense

Tiago Nunes entra com ação na Justiça contra o Athletico

Atual técnico do Corinthians, Tiago Nunes entrou com uma ação judicial contra o Athlético para cobrar valores de premiações pelo título da Copa do Brasil, conquistado no ano passado, além de prestação de serviços, contrato de imagem, férias, 13º salário e multa.

O processo foi iniciado na semana passada e o Furacão ainda não foi notificado judicialmente. O valor cobrado pelo ex-treinador atleticano é de R$ 1.159.177,31.

Nunes, no comando do time de aspirantes, foi campeão estadual em 2018, na sequência faturou a Copa Sul-Americana no mesmo ano. Em 2019, vieram os títulos da Levain Cup e da Copa do Brasil.

A premiação da competição nacional, no ano passado, gerou R$ 64,3 milhões ao Athletico. A conquista internacional há dois anos gerou mais R$ 17 milhões. Os valores pagos à comissão técnica, elenco e funcionários são definidos antes, mas podem ser reajustados com o avançar das fases.

Categorias
Geral

Sem acordo pelo formato do negócio com Arsenal, Pablo Marí permanece no Flamengo

Por causa da uma falta de acordo sobre como seria a formatação do negócio entre Flamengo e Arsenal, Pablo Marí dificilmente vai se transferir para a Inglaterra – a janela da Europa se encerra na próxima sexta-feira. O zagueiro espanhol é aguardado na parte da tarde no Ninho do Urubu para iniciar o trabalho de pré-temporada.

Pablo Mari Flamengo — Foto: Flamengo / DivulgaçãoPablo Mari Flamengo — Foto: Flamengo / Divulgação

Pablo Mari Flamengo — Foto: Flamengo / Divulgação

No fim de semana Marí viajou para Londres para realização de exames. Como estava ainda em período de férias, o clube não viu problema na ida do zagueiro, mas internamente a situação ainda era vista como longe de ter um desfecho.

Flamengo e Arsenal discutiram sobre qual forma seria feita a transferência, uma venda ou empréstimo, mas simplesmente não conseguiram chegar a uma conclusão sobre a redação de um eventual contrato.

Marí chega à Inglaterra acompanhado de Edu Gaspar — Foto: Reprodução/imagens de Charles Watts, do site "Goal.com"Marí chega à Inglaterra acompanhado de Edu Gaspar — Foto: Reprodução/imagens de Charles Watts, do site "Goal.com"

Marí chega à Inglaterra acompanhado de Edu Gaspar — Foto: Reprodução/imagens de Charles Watts, do site “Goal.com”

Desta forma, Pablo Marí segue como jogador do Flamengo, e a negociação do clube com Léo Pereira, do Athletico-PR, fica congelada. Como está perto de acertar a compra de Gabigol, o clube tem a chance de manter todo o time titular campeão do Brasileiro e da Libertadores para a próxima temporada.

Categorias
Uncategorized

Mesmo de olho na grana da Copa do Brasil, Paraná quer força máxima no Estadual

O técnico do Paraná, Allan Aal, indicou que não deve poupar jogadores nas próximas partidas visando o duelo da Copa do Brasil, que acontece no dia 5 de fevereiro, diante do Palmas-TO. Antes do jogo decisivo da competição nacional, o Tricolor encara o FC Cascavel e tem o clássico diante do Athletico, ambos pelo Paranaense.

“O planejamento é colocar o que a gente tem de melhor disponível, não preservar demais e não esticar demais. O que observarmos durante a semana de trabalho, não correndo o risco de perder ninguém, vai ser colocado em campo”, afirmou o treinador.

O confronto pela Copa do Brasil é prioridade por render uma boa recompensa financeira em caso de classificação. Por ser parte do grupo 3, caso avance diante do Palmas, o Paraná somará o valor de R$ 540 mil aos cofres. Montante que ajudará nos problemas financeiros da equipe, que sofre com atraso de salários desde o final de 2019.

No entanto, de acordo com o comandante, a equipe também focará na classificação no Estadual. “Vamos buscar a classificação em primeiro plano e evoluir partida a partida”, declarou. Com um elenco ainda em formação, o Tricolor segue no mercado buscando reforços, enquanto trabalha a parte física de atletas que ainda não estão condicionados.

O duelo pela competição nacional acontecerá no estádio Nilton Santos, em Tocantins. A vaga para a próxima fase será decidida em jogo único. Por ser visitante, o Paraná possui a vantagem de se classificar de maneira direta mesmo com um empate.

Categorias
Futebol Paranaense

Zagueiro Rhodolfo e atacante Sassá podem estrear pelo Coritiba contra o Operário

O técnico Eduardo Barroca, do Coritiba, confirmou que deve utilizar o zagueiro Rhodolfo e o atacante Sassá na partida contra o Operário na quarta-feira (29), às 20h, no Couto Pereira, pela quarta rodada do Paranaense. O treinador depende apenas da confirmação da questão física de ambos os jogadores. A partida contra o Fantasma, inclusive, será a última em que o Barroca utilizará o sistema de rodízio.

“Esses jogadores [Rhodolfo e Sassá] fizeram treinamento integral ontem [sábado]. Eu vou ver como está a recuperação e, caso eles tenham condições pela parte física, acredito que irão para o jogo contra o Operário”, declarou o treinador.

De acordo planejamento do clube, a ideia de Eduardo Barroca era utilizar o Paranaense como teste e sistema de rodízio por quatro rodadas. O treinador confirmou que o duelo contra o Fantasma será o último teste para o grupo e que, a partir da quinta rodada, contra o Londrina, o time titular será definido.

Toda esta estratégia do Coxa é pensando mais especificamente no duelo da primeira fase da Copa do Brasil contra Manaus, no dia 12 de fevereiro. Além dos R$ 950 mil pela participação na primeira fase, o Coxa pode embolsar mais R$ 1,03 milhão se avançar.

“No nosso planejamento, a gente usaria os jogos do Paranaense como forma de preparação até o jogo contra o Operário. Então, após este o jogo, entendo que temos tempo suficiente de preparação, para desenvolvimento individual físico e experiência de jogo para cada um deles. A partir do jogo contra o Londrina nossa ideia é usar os melhores e abrir a competição definitivamente”, confirmou o treinador.

Categorias
Uncategorized

Athletico vai colocar time principal para estrear no Paranaense

O Athlético irá utilizar o time principal no Paranaense. A estreia do elenco comandado pelo técnico Dorival Júnior será contra o Paraná, no próximo domingo (2), às 18h, na Arena da Baixada.

Antes do clássico contra o Paraná, o Furacão seguirá com o time de aspirantes para encarar o Cianorte, na quinta-feira (30), no Albino Turbay.

A tendência é que o elenco de aspirantes siga fazendo as partidas contra os times do interior, enquanto o grupo principal jogue apenas clássicos para preparar o elenco.

Em fevereiro, dia 16, o Athletico encara o Flamengo pela Supercopa do Brasil, no Mané Garrincha, no embate entre os campeões da Copa do Brasil e do Brasileirão do ano passado.

O elenco principal disputou na Argentina o Torneio de Verão. Contra Racing, o Furacão empatou no tempo normal e perdeu nos pênaltis. Já contra o Boca, o Athletico foi derrotado.

Categorias
Futebol Paranaense

Athletico vai colocar time principal para estrear no Paranaense

O Athlético irá utilizar o time principal no Paranaense. A estreia do elenco comandado pelo técnico Dorival Júnior será contra o Paraná, no próximo domingo (2), às 18h, na Arena da Baixada.

Antes do clássico contra o Paraná, o Furacão seguirá com o time de aspirantes para encarar o Cianorte, na quinta-feira (30), no Albino Turbay.

A tendência é que o elenco de aspirantes siga fazendo as partidas contra os times do interior, enquanto o grupo principal jogue apenas clássicos para preparar o elenco.

Em fevereiro, dia 16, o Athletico encara o Flamengo pela Supercopa do Brasil, no Mané Garrincha, no embate entre os campeões da Copa do Brasil e do Brasileirão do ano passado.

O elenco principal disputou na Argentina o Torneio de Verão. Contra Racing, o Furacão empatou no tempo normal e perdeu nos pênaltis. Já contra o Boca, o Athletico foi derrotado.

Categorias
Futebol Paranaense

“Não podemos achar que uma derrota é terra arrasada”, defende técnico do Paraná

O técnico do Paraná, Allan Aal, minimizou a derrota por 1 x 0 para o Coritiba válido pela terceira rodada do Campeonato Paranaense, que aconteceu neste domingo (26) na Vila Capanema. De acordo com o treinador, mesmo o grupo sendo jovem, o revés não é um problema.

“A gente não pode achar que uma vitória é a melhor equipe do mundo e que uma derrota é terra arrasada. Mesmo a equipe sendo jovem, mesmo os meninos criando expectativas de ter o melhor desempenho possível, ainda estamos em pré-temporada, de preparação”, ponderou o comandante.

Aal se mostrou satisfeito com as respostas dos atletas nos jogos, apesar da equipe estar em formação. “Estamos no processo de evolução, no processo de montagem de elenco e o campo diz muita coisa. Ele te dá uma resposta que às vezes você não viu durante a semana”, declarou.

A temporada do clube em 2020 conta com pouco mais de 20 dias e o treinador ainda busca um time ideal, apesar de ainda esperar reforços. “E vamos evoluindo naturalmente, sem medo de se empolgar demais, ou de se afundar demais por conta de uma derrota em clássico, até porque é a terceira rodada do campeonato”, finalizou.

Essa foi a primeira derrota do Tricolor no ano, após o empate sem gols na estreia com o Rio Branco e a vitória sobre o Cascavel CR. O time volta a jogar na próxima quinta-feira (30), diante do FC Cascavel, novamente na Vila.

Categorias
Uncategorized

Coritiba vence o clássico com o Paraná na Vila com gol de falta

Com um gol de falta de Thiago Lopes, o Coritiba venceu o Paraná por 1 a 0, na noite deste domingo (26), na Vila Capanema, pela terceira rodada do Campeonato Paranaense. A vitória coloca o Coxa na segunda posição com sete pontos. Já o Tricolor sofreu seu primeiro gol na competição e perdeu a invencibilidade, sendo apenas o sétimo colocado, com quatro pontos.

Em um clássico bastante truncado, com muitas faltas e poucas chances criadas, o gol de bola parada do meia coxa-branca manteve a equipe de Barroca invicta no Paranaense, com duas vitórias e um empate. O Coxa, inclusive, completou 16 jogos sem perder, contando desde a Série B do ano passado. A última derrota do time alviverde foi justamente para o Tricolor na Vila Capanema, pela 26ª rodada.

As equipes voltam a campo já no meio da semana pela quarta rodada. O Paraná encara o FC Cascavel na quinta-feira (30), às 19h30, novamente na Vila Capanema. Já o Coritiba recebe o Operário na quarta-feira (29), às 20h, no Couto Pereira.

Torcida do Coritiba comemora vitória na Vila. Foto: Albari Rosa/Foto Digital

Paraná e Coritiba entraram em campo invictos no campeonato, os dois times com um empate e uma vitória. O técnico Allan Aal fez apenas uma mudança em relação ao último jogo: o meia Robson ganhou a vaga de Gustavo Mosquito. Já Barroca seguiu a estratégia de fazer rodízio: foram seis mudanças em relação ao empate com o Rio Branco.

A partida foi bastante truncada, com muitas faltas e pouca criação. Foram cinco cartões amarelos só no primeiro tempo. O Coxa teve mais a posse de bola, mas pouco assustou o goleiro Alisson. A melhor chance veio com Robson de cabeça, após cruzamento da esquerda.

Foto: Albari Rosa/Foto Digital

Já o Tricolor se defendeu bem e apostou nos contra-ataques. Os melhores lances vinham pelo lado esquerdo com Juninho e Andrey. Mas foi de Raphael Alemão a grande oportunidade do Paraná abrir o placar. O camisa 7 recebe na área, avançou livre, mas, frente a frente com Alex Muralha, mandou por cima da meta.

Raphael Alemão perde boa chance. Foto: Albari Rosa/Foto Digital

Na etapa final, o Coxa voltou melhor, mas encontrava dificuldades para furar a defesa do Tricolor. No entanto, aos nove minutos, Thiago Lopes, que entrou no lugar de Galdezani ainda no primeiro tempo, cobrou uma falta com perfeição, sem chances para o goleiro Alisson e garantiu o resultado para os visitantes. O Tricolor, que pouco criou durante toda a partida, sentiu o golpe, não conseguiu reagir e conheceu sua primeira derrota no Estadual.

Foto: Albari Rosa/Foto Digital

Próximos jogos do Paraná
30/01, Vila Capanema, Paraná x FC Cascavel
02/02, Arena da Baixada: Athletico x Paraná Clube
08/02, Vila Capanema: Paraná x Cianorte

Próximos jogos do Coritiba
29/01, Couto Pereira, Coritiba x Operário
02/02, Estádio do Café, Londrina x Coritiba
09/02, Couto Pereira, Coritiba x União Beltrão

Foto: Albari Rosa/Foto Digital

Ficha técnica
CAMPEONATO PARANAENSE
1ª FASE – 3ª RODADA

26/01/2020
PARANÁ 0 X 1 CORITIBA

Paraná
Alisson; Bruno, Thales, Fabrício e Juninho; Jhony (Kaio), Kazu e Robson; Raphael Alemão (Marcelo), Andrey e Rafael Furtado (Rodrigo Rodrigues). Técnico: Allan Aal.

Coritiba
Alex Muralha; Lucas Ramon, Rafael Lima, Sabino e Willian Matheus; Matheus Sales, Matheus Galdezani (Thiago Lopes) e Rafinha; Robson, Gabriel (Welissol) e Igor Jesus (Rodolfo). Técnico: Eduardo Barroca.

Gol: Thiago Lopes, 9 do 2º (CFC);
Cartões amarelos: Bruno, Juninho, Andrey (PRC); Thiago Lopes, Rafinha e Lucas Ramon (CFC)
Cartão vermelho: Bruno (PRC)
Árbitro: José Mendonça da Silva Júnior
Assistentes: Bruno Boschilia e Danilo Padilha Porse
Público: 3.848 pagantes (4.311 total).
Renda: R$ 126.315,00